Dicas para montar o guarda-roupa do bebê

Confira as peças certas para não errar e nem exagerar

Conjunto bebê rosa casaco calça gorro

Muitas futuras mamães acabam de sair do consultório, após a ultrassonografia para saber o sexo do bebê, e já correm às compras. Afinal, foi tanta expectativa, tanta ansiedade, que nada mais merecido do que comprar as roupinhas em tons de rosa ou azul, já que agora pode! Pode? Há controvérsias quanto a isso, porque existe quem considere exagero entupir o armário da criança.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Então, se não existe uma fórmula mágica entre o excesso e o comedido demais (aquelas que deixam para comprar tudo depois que o bebê nasce, para não haver erro do sexo e nem do tamanho da criança), como fazer o enxoval nessa “medida”?  Separamos algumas dicas para você não errar na hora de montar o guarda-roupa do baby!

 

Dicas montar guarda roupa bebê

– Antes de comprar o enxoval todo, decida se vai fazer Chá de Bebê. Por mais que a reunião com a mulherada seja para comemorar a gravidez, é fato de que quase todas trarão um presentinho, indo desde chupeta e mamadeira até roupinhas lindas. Então, depois da festa, avalie o que o bebê já tem e compre somente aquilo que faltou. Não se esqueça de balancear os tamanhos, pois o RN (recém-nascido) será usado por pouquíssimo tempo ou a criança já nascerá maior que esse tamanho;

 

7 modelos macacão bebê

– Ao comprar as roupinhas, dê preferência para os conjuntinhos (principalmente se for menino). Isso porque a blusa de um combina com a calça do outro e você consegue combinar de três ou quatro maneiras as roupinhas. Para conter gastos ou até mesmo fazer com que o bebê use aquilo que está servindo direitinho, nada melhor do que a criatividade;

– Outra dica valiosa é levar em conta as estações do ano. Quem for ter bebê em março de 2016, por exemplo, deve priorizar as roupas de frio, lembrando que em abril o tempo começa a esfriar. E se os bebês já precisam se agasalhar bastante normalmente, nas baixas temperaturas os papais devem redobrar as atenções. Portanto, na hora de montar o enxoval, nada de comprar 100 modelinhos de vestidos fofos ou conjuntos de shorts com regatas;

 

Camisa azul branca listrada bebê

– Leve em consideração o conforto da criança quando for comprar o modelito. Isso é muito importante, já que hoje o mercado da moda oferece infinitas opções para os pequeninos, com roupas especiais para todas as ocasiões. Seja casamento, batizado, carnaval, festa junina, baile de gala ou o que for, há um look especial sendo vendido para o baby. Mas ninguém quer o seu pequerrucho “engessado”, não é? Se os adultos já se irritam com coisas apertadas, pinicando ou coçando, imagina o bebê!

– Invista nos coringas, como o body (de manga curta e comprida) e a calça culote (usada por baixo da calça). Eles ajudam a esquentar a criança, seguram a fraldinha e podem ser usados como parte da roupa principal ou base para os demais looks. Coloque um casaquinho por cima do body, uma calça de pagão e a criança está prontinha para qualquer tipo de passeio;

– Macacões são práticos e com estilos para todos os momentos. O bebê fica quentinho, confortável e com um jeitinho irresistível de não querer apertar!

 

macacão bebê menina

Como saber qual o tamanho?

Vale lembrar que os bebês crescem e engordam do dia para a noite, portanto, sempre compre um tamanho a mais do que ele está usando. Para fazer o guarda-roupa, é válido escutar as histórias dos pais (se eles nasceram grandes, magros, compridos ou gordinhos) e “chutar” um palpite de que a criança possa puxar para eles nisso também. Comparar os tamanhos das roupinhas já existentes no guarda-roupa (por exemplo, ele usa P e já tem bastante M, o que se recomenda comprar G ou GG) é bom, para que o nenê use as roupas por mais tempo.

RN – O tamanho recém-nascido é o que a criança menos usa, consequentemente, invista em poucas peças. Pense no que o bebê usará ao nascer, para sair da maternidade e, no máximo, nos primeiros 10 dias de vida. Mas nem todos usam esse tamanho, então não se assuste se não couber;

Tamanho P – Para bebês com até 60 centímetros, de 4 kg a 6 kg e entre 1 a 3 meses;

Tamanho M – Até 66 centímetros, de 6 a 8 kg e até 6 meses;

Tamanho G – Medindo de 67 cm a 72 cm, pesando até 9 kg e com até 9 meses;

Tamanho GG – Até 78 cm, com 9,1kg até 10 kg e na faixa dos 9 meses até um aninho de idade.

Por Priscilla Silvestre

 

Crédito das imagens: babycoustcutters.com, aliexpress.comimagui.com

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here