Book do bebê: dicas para acertar em tudo no álbum

Fotografia bebê, faça você mesmo

Que mamãe e papai não gostam de registrar todos os momentos da criança, não é mesmo? O primeiro sorriso, o beicinho de manha, a papinha, o choro, a carinha de feliz e tantas outras gracinhas que só quem acompanha o dia a dia da criança sabe a importância. E, embora a tecnologia permita que celulares, máquinas fotográficas, tablet e até o computador tirem fotos, o book do bebê com um profissional é sempre uma ótima pedida.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Glau Lima, que acumula mais de dez anos clicando eventos da área social, também é especialista em trabalhos em estúdio e mãe do Gabriel, por isso falamos com ela para descobrirmos tudo sobre as fotos de bebês. Se você pensa em fazer uma sessão Newborn (recém-nascido) ou clicar o seu filho ou filha com um profissional, saiba qual a melhor época do bebê para fazer o ensaio, o que é tendência no assunto e confira dicas nesta entrevista exclusiva!

 

Quarto de Bebê – Quais as novidades em books de bebês que estão disponíveis e bombando no mercado?

 

Book do bebê

Glau Lima – A sessão Newborn, fotos lindas dos recém-nascidos, são as fotos que vem ganhando os corações das mamães! São, principalmente, fotos dos babies com até 14 dias de vida. É um belo registro para deixar na memoria, uma sessão cheia de ternura e muito amor envolvido.

Momento onde os pais registram de uma forma carinhosa a miniatura de gente. As fotos podem ser temáticas ou não. Temática seria criar um cenário e deixar o pequeno dentro daquele universo teatral, podendo também não ter isso e, então, seria o registro com acessórios como touquinhas, mantas, entre outros.

 

QB- E quais as tendências de antigamente que nunca cairão de moda?

GL – Falar de tendência quando o assunto é um pequeno ser, onde o mundo dos pais se resume único e exclusivamente em amor, fica difícil dizer o que vai ou não cair de moda. Eu acredito que conhecer a história da família e montar a sessão voltada para expectativa deles seria a melhor maneira, independentemente do modismo atual ou não. A criatividade do fotografo é que vai deixar uma sessão bonita e mais charmosa. Olhar a família e analisar as possibilidades de uma sessão com os pequeninos não pode cair de moda.

QB – O que um book do bebê traz de diferente para a recordação da criança, que as fotos “normais” que os pais tiram não captam? 

GL – Momentos, recordações, saudades… O book do bebê traz a lembrança e é cheio de coisa boa! Olhar aquela foto bem produzida, feita por uma profissional deixa aquele momento ainda mais sublime. A mãe chega aqui no estúdio, pega o álbum com as fotos feitas e a maioria aperta o álbum contra o peito, abraçando como se estivesse segurando o seu bebê. E esse é um gesto que as mamães vão fazer todas às vezes ao pegarem o álbum. Emoção ao lembrar-se de tudo, do tamanho do pezinho, do nariz, da pele, do cheiro gostoso de felicidade. Aquela vontade de fazer o tempo voltar pra reviver momentos emocionantes, que somente o coração de uma mãe saberia explicar.

As fotos caseiras, do dia a dia, tem sua particularidade, pois mostram momentos da família, uma gracinha feita pela criança, uma risadinha, o banho, a boca suja de chocolate, enfim, todos os momentos que nós, mamães e papais, queremos registrar. A diferença da foto Newborn feita por profissional, além do glamour da foto, são os acessórios, um dia reservado só para isso, além de um profissional que saberá colocar na pose para o melhor ângulo, explorar detalhes e deixar tudo com diferencial de exclusividade.

 

Aprenda fotografar bebês

 

QB – Qual a melhor fase do bebê para fazer o book e garantir clicks lindos? Ou toda fase vale a pena? 

GL – Para sessao Newborn, o ideal seria até 14 dias de vida. Pra garantir mesmo os detalhes de um recém-nascido. Depois, podemos continuar mês a mês, seria o acompanhamento mensal. Assim, todo mês fica registrado o desenvolvimento da criança.

QB – Qual o tipo de criança (alegre, tímida, chorona…) é mais fácil de fotografar e por quê?

GL – Fotografar criança, independentemente das características, é fácil, pois todas elas são espontâneas, e isso ajuda muito! Além de que, toda criança é linda!

QB – Quanto tempo demora a fazer um book do bebê e até quantas fotos você recomenda?

GL – Geralmente demora de 2 a 3 horas. Eu respeito o tempo do baby, a hora de mamar, as trocas de roupas, colocar pra dormir. Isso leva um tempo e, para garantir os melhores clicks, melhor ter o pequenino bem calmo e tranquilo. A quantidade de fotos vai depender de como estamos indo na sessão. Eu, como mãe, quero todas as fotos, então, eu converso com a mãe sobre o que ela prefere. Deixo sempre prevalecer a vontade dos pais.

 

Tutorial fotografia bebês

 

QB – Quando os pais vão para o estúdio, o que eles podem levar para incrementar as fotos?

GL – Para o Newborn, no meu estúdio, por exemplo, não é necessário trazer nada, já que eu tenho todos os acessórios. E isso os pais precisam verificar com o profissional antes de marcar a sessão.

Porém, quando a criança já é maiorzinha, eu peço pra trazer os brinquedos que elas gostam e duas trocas de roupas. Faço isso para facilitar o trabalho com elas aqui, personalizar de um jeitinho delas as fotos e deixá-las confiantes.

QB – Quais dicas você dá para que as fotos “caseiras” fiquem bonitas?

GL – Para melhorar a foto, papais e mamães devem observar a iluminação do local, já que fotos claras são mais bonitas. Ver o que tem dentro de casa, o ambiente, e colocar a criança no local que não tenha poluição visual. Ou seja, posicionar a criança no canto mais organizado e que não tenha muitos objetos. E usar sempre equipamentos (celular ou câmera) com boa qualidade de imagem (boa resolução).

Por Priscilla Silvestre

 

 

 

Glau Lima Fotografia

Glau Lima Fotografia

Tels.: (11) 4323-5052 ou (11) 7773-7882

Site: GlauLima.com.br

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here